Sobre mim

Especialista em Direito Criminal e Empresarial
Contador há 30 anos, Advogado atuante com Especialidade em Direito Criminal e Empresarial. Pós Graduado em Direito Tributário GVlaw-Edesp, Especialista em Educação, Especialista em Perícia Criminal, Pós Graduando em Direito Penal e Criminologia.

Verificações

Claudionei Santa Lucia, Advogado
Claudionei Santa Lucia
OAB 99.809/PR VERIFICADO
O Jusbrasil confirmou que esta OAB é autêntica
PRO
Desde Janeiro de 2020

Primeira Impressão

(10)
(10)

10 avaliações ao primeiro contato

Perfis que segue

(6)
Carregando

Seguidores

(30)
Carregando

Tópicos de interesse

(12)
Carregando

Livros Publicados

(1)
"Habeas Corpus - TJ-SERGIPE
Tem a presente obra o único propósito de apresentar julgados de "Habeas Corpus" nos Estados e Distrito Federal da República Federativa do Brasil, seja o teor contido na movimentação processual em razão do sistema do Tribunal de Justiça não fornecer o documento de outra forma, ou quando disponível no formato original quando se prolatou o "decisum" monocrático ou por órgãos colegiados, desta forma apenas colacionando-os no sentido de centralizar em um único lugar esta temática. Neste primeiro trabalho foi disponibilizado o teor em movimento processual de 20 "Habeas Corpus" em sede de Mérito do Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe. Este projeto com foco específico em "Habeas Corpus" tem um detalhamento no sítio https: //claudioneisantaluc.wixsite.com/hccsl. Busca-se compreender neste projeto o motivo pelo qual há um enfrentamento tímido na grande maioria dos "mandamus" impetrados, chegou-se a esta conclusão, uma vez que os percentuais identificados de êxito são pífios e a fragilidade dos fundamentos arguidos são constatados em razão da maioria das vezes, senão em alguns Estados totalmente ausente a figura da Sustentação Oral no Tribunal e em especial o Recurso Ordinário no STJ de alguns Estados sequer se tem conhecimento. Exemplo clássico do que ora se afirma, destes 20 "Habeas Corpus" ora colacionados em sede de mérito, o resultado é praticamente 100% Denegatório, há que se compreender que o autor adotou um critério a atribuir o resultado do "writ" em Denegado ou Concedido, isto posto não sendo liberado o paciente, independente do motivo, atribuiu-se Denegado, ou seja, pouco importa se o eminente desembargador relator, não conheceu o "writ", conheceu em parte e da parte que conheceu "denegou", julgou prejudicado, não conheceu na íntegra ou ainda o paciente tenha desistido. Por fim, como se não bastasse o resultado neste caso em tela ter sido totalmente a desfavor do paciente, nos 100% destes casos analisados os demais eminentes desembargadores acompanharam o voto do eminente conselheiro relator.
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres
Fale agora com Claudionei
Av. Getúlio Vargas, 2574 Loja 01 - Curitiba (PR) - 80240040

Claudionei Santa Lucia

Av. Getúlio Vargas, 2574 Loja 01 - Curitiba (PR) - 80240-040

Entrar em contato